Jacobina: Mulher morre no Hospital Regional e família só fica sabendo depois de 24h.. Hospital nega!

Na noite de sábado, dia 23/4), John Cledson, acionou o Site Jacobina Noticias, para demonstrar insatisfação e revolta com a equipe do Hospital Regional Vicentina Goulart, em Jacobina.

Segundo John, sua mãe Dicelina Maria dos Santos, 56 anos, faleceu às 18h30 desta sexta-feira (22/4) no Hospital Regional com problema cardíaco, porém, sua família só ficou sabendo do fato hoje, 24 horas depois, quando retornou para a visitá-la.

John relatou que o seu padrasto, Jairo Ramos, esteve visitando sua mãe ontem. A equipe do hospital informou a ele que o estado de saúde dela era bastante delicado e que estavam fazendo o possível para salvá-la.

“O óbito ocorreu às 18h30 de ontem e a equipe disse que informou ao meu padrasto sobre o óbito de minha mãe, mas, isso não é verdade, pois ele já desmentiu. Se passaram 24 horas e eles não me ligaram, não passaram nenhuma mensagem pelo WhatsApp, e só ficamos sabendo quando retornamos para a visita”, disse John.

“Eu estou fazendo esta denúncia para que outras pessoas não passem por esta situação. Por causa desta irresponsabilidade, não poderemos velar o corpo da minha mãe. Teremos que realizar o sepultamento nesta noite no Cemitério Central de Caatinga do Moura”, finalizou.

Hospital Regional de Jacobina nega demora em comunicar óbito de mulher à família

A assessoria da Fundação José Silveira, organização responsável pela gestão do Hospital Regional Vicentina Goulart, em Jacobina, enviou uma nota de esclarecimento ao Jacobina Notícias, neste domingo (24/4), sobre o caso da morte de uma mulher de 56 anos, paciente da unidade (releia aqui).  Segundo um filho da paciente, ela teria falecido na sexta-feira (22/4), porém a unidade só teria comunicada à família no sábado (23/4), após 24 horas. 

A gestão do Hospital Regional, no entanto, nega que tenha havido demora em comunicar o óbito e destacou que a equipe assistencial da unidade informou ao viúvo da mulher, Jairo Ramos, na sexta-feira (22/4), mesmo dia do ocorrido, por volta das 18h30. 

Confira a nota na íntegra:

“Vimos informar que a família da paciente D.M.S, citada em matéria publicada por esse conceituado veículo de imprensa, no dia 23/04/2022, foi comunicada sobre a ocorrência do óbito pela equipe assistencial do Hospital Regional, através do seu esposo, o senhor Jairo Ramos, no dia 22/04/2022, por volta das 18h30. 

Reiteramos que instituição está sempre à disposição da imprensa local, desde a apuração dos fatos, bem como dos familiares para maiores detalhes”.

Comentários Facebook
Compartilhe essa notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *