Crise energética força aumento da vazão na Barragem de Sobradinho

A crise hídrica que afeta outros estados brasileiros com reflexo na capacidade da produção de energia elétrica no país motivou o aumento da vazão de 1.000 m³/s para 1.300 m³/s no lago de Sobradinho, para gerar mais energia para o Sistema Interligado Nacional (SIN), bem como manter o nível do reservatório de Itaparica.

Localizada no extremo norte da Bahia, Sobradinho estava na segunda-feira, 30, com 48,48% do volume útil. Os números da Agência Nacional de Águas (ANA) indicam que no mesmo período em 2020 o reservatório estava com 75,65%, e em 2019 tinha 41,18%. Os dados apontam que o pior ano foi em 2017, quando no final de agosto tinha 7,86% da capacidade.

De acordo com carta circular da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), o aumento da vazão para otimizar a produção de energia atende ao sistema coordenado pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

Fonte: A Tarde

Comentários Facebook
Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.